Ir para o conteúdo

Ir para conteúdo do site
Município de Nova Castilho - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
21
21 MAI 2021
CRAS
Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes em Nova Castilho

Dia de 18 de maio foi estabelecido como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e o município de Nova Castilho fez sua contribuição nesta importante data.

Durante toda a semana, o CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) realizou diversas atividades para conscientizar e sensibilizar a todos sobre o referido tema.

Segunda, feira, 17 de maio, foi feito uma Palestra show com Mauro Dias em formato de live e transmitida pelas redes sociais do CRAS. A Palestra teve como tema: “Faça Bonito, por uma juventude sem violência” e abordou o conteúdo com vários shows de mágicas.

Dia 18, logo pela manhã, uma grandiosa mobilização foi realizada pelas ruas da cidade e contou com a participação de vários setores como Educação, Saúde, CCI (Centro de Convivência do Idoso), Conselho Tutelar e CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente), além do apoio incondicional da Policia Militar.

Na quarta-feira, 19 aconteceu uma capacitação para a rede de atendimento do CRAS com o tema: “Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes”.

Para finalizar, no dia 20, mais uma live foi transmitida pelas redes sociais destinada aos Adolescentes, desta vez apresentada pelo Psicólogo Marlon Zanesco e teve como tema: “Seja a voz de quem não tem”.

O dia 18 de maio foi instituído como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes pela Lei Federal 9970/00. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados. Foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune. A proposta do “18 de maio” é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos sexuais preservados de crianças e adolescentes.

Seta
Versão do Sistema: 3.1.3 - 03/09/2021
Copyright Instar - 2006-2021. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia